Silvestre Gorgulho

Silvestre Gorgulho

"Na praça de Hiroshima, onde caiu a bomba Atômica, foi construído um Parque onde tremula a bandeira branca da Paz"

Rubenildo Pithon

Silvestre Gorgulho (outubro de 2001)

O engenheiro Rubenildo Pithon de Barros, assessor da divisão de pesquisa e ensino do IME - Instituto Militar de Engenharia - é um especialista em armas, mas apaixonado por educação ambiental, traduzindo com precisão a necessidade do casamento da tecnologia com as ciências naturais e sociais.

Aparentemente a preocupação desse militar com a educação ambiental vem de sua infância no mar e no mato, no interior da Bahia, e posteriormente, na montanha, em Agulhas Negras - onde foi sua formação militar. E o que parece contraditório, sua especialização em armas, com mestrado em aerodinâmica, instrutor bélico, exímio em física mecânica, com a necessidade de ação ambiental racional e harmoniosa é onde reside a similaridade. Ele tenta transferir seu adestramento técnico à educação ambiental de maneira precisa, quando diz que não se pode separá-la de nenhum contexto e do alvo a ser atingido. Provavelmente, suas origens e sua infância reforçaram um conhecimento atávico de que a educação ambiental é a melhor arma de proteção à sociedade.

Ele admite que essa visão adveio após o VII Seminário de Educação Ambiental - o primeiro efetuado no IME - em 1998, com o tema: "Educação Ambiental - Desafio do Século". Um apelo ético - e a partir daí a Instituição passou a sediar esse evento nacional, que acontecia sempre nas dependências das Faculdades de Educação das Universidades Brasileiras.

Para novembro, o IME coordena outro seminário, organizado sempre pelo GEA/UFRJ - Grupo de Estudos em Educação Ambiental da Universidade Federal do Rio de Janeiro, com apoio de outras instituições, que este ano será em novembro. Nome: X Seminário de Ética e Educação Ambiental: Projetivas do Século.

E quem é o grande responsável por esta coordenação? Não podia ser outro. É o engenheiro Rubenildo Pithon de Barrros.

silvestre@gorgulho.com