Reportagens

Modelo para o mundo, plataforma gov.br é destaque na Semana de Inovação 2021

Evento virtual promovido pelo Ministério da Economia, Escola Nacional de Administração Pública, Tribunal de Contas da União e Faculdade Latino-Americana de Ciências Sociais ocorre de hoje a sexta-feira (9 a 12). Participação é gratuita

 

O evento é considerado o maior do tipo na América Latina ao apresentar tendências e possibilidades de transformação para as organizações públicas

 

Modelo entre os governos digitais do mundo, a plataforma gov.br é destaque na Semana de Inovação 2021, que começa nesta terça-feira (9) e dura até sexta (12). O evento é considerado o maior do tipo na América Latina ao apresentar tendências e possibilidades de transformação para as organizações públicas, iniciando sua sétima edição com 360 horas de atividades previstas. Ocorre desta vez em uma galáxia virtual de inovação composta por quatro mundos. É realizado pelos ministérios da Economia e da Ciência, Tecnologia e Inovações, Escola Nacional de Administração Pública (Enap), Tribunal de Contas da União (TCU), Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) e Faculdade Latino-Americana de Ciências Sociais (Flacso Brasil). A participação é gratuita e as inscrições podem ser realizadas ainda antes ou durante a programação no gpv.br: gov.br/enap/semanadeinovacao .

O gov.br reúne todos os 4,8 mil serviços públicos do Governo Federal e, com ele, o Brasil acaba de ser reconhecido pelo Banco Mundial como um dos líderes em governo digital do mundo. Está à frente de todos os países das Américas e de todos com mais de 100 milhões de habitantes, entre as 198 nações avaliadas. No ranking geral, o Brasil é considerado o 7º GovTech mundial.

“O gov.br já é uma plataforma com 115 milhões de usuários, mais da metade da população brasileira. Em janeiro de 2019, tínhamos 1,8 milhão. Este é um salto incrível”, ressalta o secretário especial de Desburocratização, Gestão e Governo Digital do Ministério da Economia, Caio Mario Paes de Andrade.

Essa evolução do gov.br como plataforma de serviços e de relacionamento com o cidadão é um dos principais feitos que o governo brasileiro deverá apresentar na Semana de Inovação. Os participantes poderão acessar o estande institucional do gov.br com informações sobre alguns dos principais focos da transformação digital no país: Identidade Digital, Startup gov.br, Privacidade da Informação e Inteligência de Dados. “Espero que os participantes aproveitem bastante a experiência, conheçam todas as atividades e iniciativas que temos com a marca gov.br, que representa toda essa mudança que viemos fazendo na transformação digital do Brasil através da transformação do governo brasileiro”, acrescenta o secretário especial, que participa em vídeo da abertura do evento.

A abertura da Semana de Inovação será às 15h30 desta terça-feira com o tema: ‘Um Chamado para Ousar’. Também participam em vídeo o secretário de Governo Digital, Fernando Coelho Mitkiewicz, e o presidente da Enap, Diogo Costa, entre outros dirigentes dos órgãos que realizam o evento. Já às 16h é prevista a participação de Jimmy Wales, fundador da Wikipedia (a famosa enciclopédia internacional de conteúdo gratuito e colaborativo na Internet), com o painel ‘Plataformas Colaborativas para Realizar Mudanças’.

Nos quatro dias de evento, estão previstas outras personalidades da inovação mundial, como Mike Bracken. Ele é sócio da public.digital, consultoria de transformação de governos e grandes instituições públicas, e consultor da diretoria do ‘Lloyds of London’, além de assessor de ministros e oficiais governamentais em prestação de serviços digitais em mais de 20 países. Bracken participa na quinta-feira (11), às 17h, do painel: ‘Governo Digital hoje ou amanhã?’, com o secretário especial Caio Mario Paes de Andrade.

Já o secretário Fernando Coelho Mitkiewicz coordena a Mesa-redonda ‘GovTech e os Caminhos para a Transformação do Estado’, na quarta-feira (10), às 19h, com Bento Bueno (Oracle), Alexandre Ávila (Serpro), Ricardo Mansano (Huawei) e Vagner Diniz (CGI.br).

“Para atender à 4ª população mais conectada do mundo, a população brasileira, apostamos no gov.br como a plataforma pela qual o cidadão tem os serviços do governo acessíveis na palma da mão, 24 horas por dia, 7 dias por semana”, reforça o Mitkiewicz. “Ainda temos muito o que fazer. Estamos trabalhando para avançar para o estágio de Governo como plataforma, ofertar serviços seguros preditivos, garantir que esses serviços sejam centrados no cidadão e fomentar a inovação em governo junto às demais esferas governamentais, à academia e às GovTechs”.

O secretário de Gestão do Ministério da Economia, Cristiano Heckert, por sua vez, participa do painel ‘Eficiência e Inovação na Gestão de Imóveis do Setor Público: os Programas Racionaliza e Unifica’, na quarta-feira (10), às 19h. “A Semana de Inovação é uma grande oportunidade de compartilharmos projetos inovadores de transformação da administração pública, como o Programa de Gestão e Desempenho, o TransformaGov, o Racionaliza, dentre outros”, afirma.

Os mundos dessa galáxia

Na galáxia virtual da Semana de Inovação, os painéis, mesas-redondas e demais atividades ocorrem em quatro mundos: Adminai, Populum, Territorea e Techterea.

– Adminai: com desafios da gestão pública e geração de resultados;

– Populum: onde os assuntos são os desafios sociais e o impacto na vida das pessoas;

– Territorea: com a missão de explorar mais sobre os desafios territoriais, as cidades e o meio ambiente;

– Techterea: abordará desafios digitais e tecnologia atendendo o cidadão. Atenção: aqui é o lugar para descobrir como a tecnologia pode ser aliada da transformação.

Com o auxílio de um assistente virtual personalizável, os participantes poderão viajar por todos esses quatro mundos, além do Universo Paralelo, Palco Meteoro e Astro Central. O Astro Central é o palco principal da Semana de Inovação, onde palestrantes como o escritor e colunista Coleman Hughes e a autora premiada Madeleine Bunting, entre outros, irão se apresentar durante as tardes do evento.

No Meteoro Pitch – Dataprev (empresa pública que é a principal patrocinadora da Semana de Inovação), serão apresentados projetos inovadores de todo o Brasil – e algumas experiências internacionais – na forma de pitchs de 15 minutos, a partir de quarta-feira (10), das 9h às 12h30. O Universo Paralelo compreende os Desafios Futuros (oficina de três dias para pensar o que virá), o Conexões Enterprise (gera novas conexões profissionais e criar novas redes para seus participantes) e o iGOV Nigths (organizado por servidores públicos).

De acordo com o presidente da Enap, Diogo Costa, a experiência da Semana será idêntica à de grandes eventos que aconteciam presencialmente, só que agora on-line. “O debate sobre inovação já começa em como os palestrantes e o público participarão desse encontro. É um universo único, literalmente. A nossa Galáxia SI-021 (abreviatura de Semana de Inovação 2021) terá mundos e astros com luz própria, prontos para inspirar soluções de tecnologia e inovação para o setor público”, aposta.

O que mais você encontra

Dentro de cada um dos quatro mundos, ainda existem os Objetos Bem Identificados, espaço dedicado aos conteúdos ‘On Demand’, que podem ser encontrados a qualquer momento pelos participantes, e os Satélites, com atividades sugeridas por proponentes/instituições de todo Brasil.

Atenção: estarão nos Objetos Bem Identificados os conteúdos ‘On Demand’:

– Painel Especial de Desafios Públicos e os pitchs com experiências do Startup gov.br e municípios (organizado pela Secretaria de Governo Digital);

– TransformaGov – Programa de Gestão Estratégica e Transformação do Estado, Metodologia inovadora para mapear competências, Quebre o iceberg – Checkin – Chegue chegando na reunião, Inovação na Contratação de Serviço Centralizado de Limpeza, IMR – como melhorar a qualidade dos serviços em contratos inovadores – a experiência da Central de compras, Melhores práticas em Serviços Compartilhados – Central de Compras, Construindo Relacionamentos (Secretaria de Gestão)

– LA-BORA! GOV (Secretaria de Gestão e Desempenho de Pessoal)

Serviço:

Semana de Inovação 2021 (Evento virtual)

Abertura: Terça-feira (9), às 15h30

Participação: gratuita

Como se inscrever e participar: https://semanadeinovacao.enap.gov.br/index.php

PALESTRAS/ATIVIDADES COM PARTICIPAÇÃO DA SECRETARIA ESPECIAL DE DESBUROCRATIZAÇÃO, GESTÃO E GOVERNO DIGITAL

9/11 – 15h30: Abertura oficial: Participação em vídeo gravado pelas autoridades. São previstos: ministro Paulo Guedes, secretário especial Caio Mario Paes de Andrade (Secretaria Especial de Desburocratização, Gestão e Governo Digital), Fernando Coelho Mitkiewicz (Secretaria de Governo Digital-SGD), Diogo Costa (Enap), Ana Arraes (TCU) e patrocinadores.

10/11 – 8h: Novo Tripé Regulatório GovTech no Brasil: o que já mudou e o que ainda precisa avançar? (Renato Fenili – Secretaria de Gestão – Seges)

10/11 – 8h: Método Cross (Felipe Lopes da Cruz – SGD)

10/11 – 8h: O paradoxo entre inovação e controle no setor público (Regina Lemos – Seges)

10/11 – 10h: A transformação digital das Instituições Federais de Ensino Superior – desafios e boas práticas em Institutos Federais e Universidades (Loyane Tavares – SGD)

10/11 – 19h: Mesa-redonda GovTech e os caminhos para a Transformação do Estado (secretário Fernando Coelho Mitkiewicz, Bento Bueno-Oracle, Alexandre Ávila-Serpro, Ricardo Mansano-Huawei, Vagner Diniz-CGI.br)

10/11 – 19h: Eficiência e Inovação na Gestão de Imóveis do Setor Público: os Programas Racionaliza e Unifica (Cristiano Heckert, Gustavo Nery – Seges)

11/11 – 8h: A jornada de Estados Brasileiros junto ao GOV.BR – Integração a plataformas de governo digital do gov.br e estratégia de apoio à transformação digital de municípios (Régis Oliveira – SGD)

11/11 – 10h-12h: Mesa-redonda LGPD – Segurança e Privacidade: dois lados da mesma moeda? (Leonardo Ferreira– SGD, André Sucupira-Serpro, Marcela Formighieri-Dataprev, Igor Araujo-Oracle, Marcelo Motta-Huawei)

11/11 – 17h: Governo Digital hoje ou amanhã? (Caio Mario Paes de Andrade – SEDGG e Mike Bracken)

11/11 – 19h: As melhores práticas de gestão para equipes híbridas (Gustavo Nery – Seges)

12/11 – 10h30: Prêmio de Inovação: Anúncio dos vencedores do Prêmio de Inovação. Diversos projetos do ME estão entre os finalistas em cada categoria.

12/11: Encerramento

Com informações da Escola Nacional de Administração Pública

Continue Reading
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Reportagens

11º Festival Brasília de Cultura Popular vai até sábado (28)

Depois de oito anos, a programação volta à cidade com apresentações de artistas locais e nacionais no Clube do Choro

Published

on

 

Catarina Lima, da Agência Brasília | Edição: Claudio Fernandes

 

A 11ª edição do Festival Brasília de Cultura Popular começou nesta quarta-feira (25) e vai até sábado (28) no Clube do Choro. Ao todo, serão 11 apresentações durante os quatro dias de programação. Além das tradicionais atrações locais, como Seu Estrelo e o Fuá do Terreiro, Tereza Lopes, Orquestra Alada e Chinelo de Couro, renomados artistas nacionais, como Alessandra Leão (PE), Mestre Sapopemba (PB) e Mestre Nico (PE), participam da programação.

A  compositora, cantora e percussionista pernambucana Alessandra Leão se apresentará nesta sexta-feira (27) no Festival Brasília de Cultura Popular | Foto: José de Holanda/Divulgação

O festival é uma celebração da cultura popular. Além dos espetáculos de música e dança, serão formados grupos de discussão para tratar do evento e aproximar artistas, produtores e público.

A última edição do projeto ocorreu em 2015, no Centro Tradicional de Invenção Popular, na sede do grupo Seu Estrelo. Segundo Danielle Freitas, coordenadora geral do evento, a retomada do festival é essencial para a manutenção e difusão da cultura popular do DF. “A retomada do festival tem como tema a Refestança. Queremos fortalecer a importância da celebração”, explicou Danielle. O evento recebeu R$ 200 mil do Fundo de Apoio à Cultura (FAC) para sua execução. Estão envolvidas na realização do projeto 200 pessoas.

O grupo cultural Seu Estrelo e o Fuá do Terreiro fecha a programação do festival no Clube do Choro, à meia-noite de sábado para domingo | Foto: Mike Sena/Divulgação

“É uma emoção muito grande poder voltar depois de tanto tempo com este festejo que é um símbolo para a cultura do DF. A existência de nossa brasilidade só é possível por causa das festas populares e dessa gente que faz cultura para a alma e não somente para o mercado”, destaca a coordenadora.

Uma das principais atrações do evento é o Calango Voador, uma das figuras mais significativas da mitologia do Cerrado. O réptil alado traz consigo um espetáculo de bonecos gigantes, personagens e figuras em pernas de pau e acrobacias circenses.

Uma das principais atrações do evento é o Calango Voador, uma das figuras mais significativas da mitologia do Cerrado | Foto: Raissa Azeredo/Divulgação

Confira programação completa:
Quarta-feira (25)
9h: Oficina de percussão com Larissa Umaytá;
15h: Oficina de Canto Ancestral com Maryta de Humahuaca;
19h às 21h: Espaço Eco das Tradições com Maryta Hamuhuaca (ARG), Mestre Manoelzinho Salustiano (PE), Danielle Freitas (DF) e Pedro Vasconcellos – diretor dos Comitês de Cultura (Minc).

Quinta-feira (26)
15h: Oficina de Canto Ancestral com Maryta de Humahuaca;
19h às 21h: Espaço Eco das Tradições com Ialorixá Mãe Baiana de Oyá (DF), Tico Magalhães (DF), deputado distrital Fábio Félix e deputado distrital Gabriel Magno.

Sexta-feira (27)
14h: Oficina de dança com Mestre Nico (PE);
19h: Apresentação do Mamulengo Fuzuê (DF);
20h: Sambadeiras de Roda (DF);
21h30: Tereza Lopes (DF);
22h45: Alessandra Leão (PE) e Mestre Sapopemba (AL);
0h: Chegada do Calango Voador com a Orquestra Alada Trovão da Mata (DF).

Sábado (28)
19h: Apresentação Mamulengo Presepada (DF);
20h: Kirá (DF);
21h30: Congadas do Moçambique Santa Efigênia (MG);
22h45: Chinelo de Couro (DF);
0h: Seu Estrelo e o Fuá do Terreiro (DF) com participação de Mestre Nico (PE) e Gabriel Paes (DF).

 

 

 

Continue Reading

Reportagens

Festival Bonecos de Todo Mundo tem inscrições abertas até amanhã (27)

Podem participar desta quinta edição grupos e artistas ligados a esse gênero teatral ou de animação

Published

on

 

Catarina Lima, da Agência Brasília I Edição: Débora Cronemberger

 

Estão abertas até esta sexta-feira (27) as inscrições para a 5ª edição do Bonecos de Todo Mundo, festival que será realizado de 13 a 26 de março no Centro Cultural do Sesi, em Taguatinga, e também no Taguaparque. O formulário de inscrição está disponível nas redes sociais do evento, @bonecosdetodomundo.

A programação inclui espetáculos, oficinas, shows musicais e grupos de discussão, tendo como tema os mitos do cerrado e da construção de Brasília. O projeto é financiado pelo Fundo de Apoio à Cultura (FAC), da Secretaria de Cultura e Economia Criativa (Secec) com o valor de R$ 797,2 mil. As apresentações do Bonecos de Todo Mundo serão de quinta a sábado, no Sesi e domingo no Taguaparque. A divulgação dos projetos selecionados será feita em 3 de fevereiro, nas redes sociais do festival.

De acordo com a produtora do evento, Clara Nugale, o festival sempre acontece em Taguatinga e o público é eclético, com muitas crianças e adultos. “Nosso público é o que consome arte”, explicou. A maioria das apresentações são de classificação livre. “Geralmente são histórias do cotidiano, cujos personagens são uma família”, descreveu Clara.

O teatro popular de bonecos é uma brincadeira milenar, presente nos cinco continentes. Cada forma de brincar possui suas peculiaridades e elas convergem em diversas semelhanças. Em muitos países, essa forma de expressão é oficialmente reconhecida como patrimônio cultural. No Brasil, o reconhecimento veio em 2015, quando o Teatro Popular de Bonecos do Nordeste, também chamado mamulengo, foi registrado como patrimônio imaterial pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan).

Serviço

5º Bonecos de Todo Mundo – Chamamento para grupos teatrais do DF
Inscrições: até sexta-feira (27), por meio de formulário ou no Instagram do projeto.

 

 

 

Continue Reading

Reportagens

Incêndio na Boate Kiss: 10 anos de tristeza e impunidade

Tragédia com 242 mortos comoveu o país

Published

on

 

incêndio na boate Kiss completa dez anos nesta sexta-feira (27). A tragédia provocou a morte de 242 pessoas, mais de 600 feridos e comove o país até hoje, sem nenhum réu responsabilizado. 

O drama começou por volta de três horas da manhã do dia 27 de janeiro de 2013, quando o vocalista da banda Gurizada Fandangueira, Marcelo de Jesus dos Santos, acendeu um objeto pirotécnico dentro da boate, em Santa Maria, no Rio Grande do Sul.

A espuma do teto foi atingida por fagulhas e começou a queimar. A fumaça tóxica fazia as pessoas desmaiarem em segundos. O local estava superlotado, não tinha equipamentos para combater o fogo, nem saídas de emergência suficientes. Morreram pessoas que não conseguiram sair e outras que tinham saído, mas voltaram para ajudar.

O delegado regional de Santa Maria, Sandro Luiz Mainers, contou que o pânico se instalou quando a fumaça se espalhou e a luz caiu. As pessoas não sabiam como fugir.

“E isso fez com que algumas pessoas enganadas por duas placas luminosas que estavam sobre os banheiros da boate corressem na direção dos banheiros e não na direção da porta. Então, houve um fluxo e um contrafluxo. Algumas corriam para o banheiro e outras tentavam correr na direção da porta de entrada. Isso fez com que muitas pessoas morressem porque algumas acabaram sendo derrubadas, algumas caíram”, relatou.

Além da falta de sinalização, quem tentava sair esbarrava nos guarda corpos que serviam para direcionar as pessoas ao caixa da boate, disse o delegado. “E os guarda corpos foram determinantes até porque nós encontramos corpos caídos sobre esses guarda corpos”, afirmou.

Relato

O jornalista Dilan Araújo atuou na cobertura para as rádios da EBC, quando o incêndio aconteceu. Ele disse que os familiares iam a um ginásio da cidade para procurar por informações e fazer o reconhecimento das vítimas.

“E, por isso, de tempos em tempos, a gente ouvia os gritos desconsolados, né? Rompendo aquela atmosfera de silêncio e de tensão, outros familiares tentando consolar aqueles que se encontravam numa emoção. De desespero maior. E tinha também a angústia daqueles que ainda estavam sem notícias”, finalizou.

Edição: Kleber Sampaio

 

 

 

Continue Reading

Reportagens

SRTV Sul, Quadra 701, Bloco A, Sala 719
Edifício Centro Empresarial Brasília
Brasília/DF
rodrigogorgulho@hotmail.com
(61) 98442-1010